POR UM AUDIOVISUAL POSSÍVEL
19/11 QUI 11h - 13h

PAINEL

Apresentação de experiências diversas de produtoras para além do eixo Rio-SP e novos arranjos produtivos do audiovisual independente.

Daiane Rosario

MEDIADORA

Daiane Rosário é Idealizadora, Diretora Geral e Executiva da Mostra Itinerante de Cinemas Negros - Mahomed Bamba (MIMB), graduada em Artes com ênfase em Cinema e Audiovisual pela UFBA, com mais de 9 anos de atuação no mercado. Nas obras que participou constam programas de TV, séries, filmes de longa e curta metragem, web séries e clipes. Ainda no cinema, integrou a equipe curatorial e o júri de mais de 06 festivais nacionais.

PARTICIPANTES

Cíntia Domit Bittar (Novelo Filmes - SC)

Sócia-fundadora da Novelo Filmes (Florianópolis, 2010 - ), onde atua principalmente nas funções de produtora, diretora, roteirista e montadora. Desde 2011, suas obras são exibidas em festivais e licenciadas para diversos canais e plataformas. Seu curta mais recente, BAILE (2019), recebeu vários prêmios no Brasil e exterior, entre eles destaca-se: melhor curta no 60º FICCI - Cartagena IFF, melhor direção no 29º CurtaCinema Rio ISFF, Top 10 do público no 30º Kinoforum São Paulo ISFF. Ativista da cultura, desempenha funções na linha de frente de entidades do setor nas esferas nacional, estadual e municipal.

Emerson Dindo (Portátil Filmes - BA)

Emerson é produtor, pesquisador e cofundador da Portátil e da Diáspora Conecta. Atualmente produz os filmes “Kakawa” (Brasil/Nigéria) e “O navio e o Mar” (Brasil/Moçambique/Portugal). Atuou em projetos como Almanaque Saúde e Futura Profissão (Futura), Santa Ajuda (GNT), Os Retornados (Curta!) e Kulturmontag (TV ORF/Áustria). É mestrando em Estudos Étnicos e Africanos (UFBA), membro do Grupo de Pesquisa Ìtàn, curador da Revista Sul-Sul e integrante do Fórum de Coprodução África e América Latina.

Gabriel Martins (Filmes de Plástico - MG)

Nascido em Belo Horizonte e radicado na periferia de Contagem, graduou-se na Escola Livre de Cinema/BH e em Comunicação Social com Habilitação em Cinema e Vídeo, em 2010, no Centro Universitário UNA. É sócio fundador da produtora Filmes de Plástico, junto a André Novais Oliveira, Maurílio Martins e Thiago Macêdo Correia. Dentre os seus principais trabalhos como diretor estão os curtas “Rapsódia para o Homem Negro”, “NADA” e o longa-metragem “No Coração do Mundo” (codirigido por Maurilio Martins).

Graciela Guarani (Olhar da Alma filmes - MT)

Pertencente à nação Guarani Kaiowá, Graciela é produtora cultural, comunicadora, cineasta, curadora de cinema e formadora em audiovisual. Uma das mulheres indígenas pioneiras em produções originais audiovisuais no cenário brasileiro, tem um currículo que inclui direção e roteiro em 8 curtas metragens, a série de vídeo cartas “Nhemongueta Cunha Mbaraete“ (IMS), co-direção no longa ‘’Meu sangue é vermelho’’ (Needs Must Film). Convidada como debatedora da Mesa redonda Internacional de Mulheres na Mídia e no Cinema na 70a. Berlinale - Berlin International Film Festival 2020.

Nara Aragão (Carnaval Filmes - PE)

Sócia da Carnaval Filmes, Nara foi produtora executiva dos longas Viajo porque preciso, volto porque te amo (Marcelo Gomes e Karim Aïnouz), Era uma vez eu, Verônica (Marcelo Gomes) e Tatuagem (Hilton Lacerda) e da série Fim do Mundo (Hilton Lacerda) para o Canal Brasil. Produziu os longas Fim de Festa (Hilton Lacerda), Estou me guardando para quando o carnaval chegar (Marcelo Gomes) e Casa (Letícia Simões) e a série de animação Bia Desenha (TV Cultura, TV Brasil).

ASSINE A NOSSA
NEWSLETTER

SEU E-MAIL

APOIO

PARCERIA

REALIZAÇÃO